Escritora de Uberlândia lança livro que prestigia obras de 56 autores

POR: Margareth Castro

 

A obra “Camarinhas de Poesia” conta com a participação de 56 autores que retratam em suas poesias e prosas a sua visão e sensibilidade em relação ao tema “Sustentabilidade Cultural”. O lançamento acontece no dia 20 de abril, às 19h, no Auditório Cícero Diniz, no Centro Administrativo de Uberlândia.

Em seu 2º volume, o Camarinhas é fruto do Sarau Gotas Poéticas, que acontece mensalmente, há quase seis anos, na sede da Assis Editora. O evento é gratuito e conta com participação de poetas e escritores da cidade. A escritora Ivone Assis diz que o livro é um presente dela e da Assis Editora à comunidade de Uberlândia.

Sobre a escolha da temática “Sustentabilidade Cultural”, Ivone diz que o termo abrange uma possibilidade maior e ponderou a importância dele para uma área tão pouco reconhecida em seu valor e sublimação como a poesia. “A poesia é um “canal de comunicação”, que, se bem utilizado, pode contribuir em todas as áreas. É intrínseco que poetas e empresárias (re)conheçam a sustentabilidade deste setor. Poesia é prazer, emoção, vivências, mas também é coisa séria, é assunto para debates e palestras em prol de um amanhã melhor”, ressalta.

Autores

A poetisa e escritora Lucilaine de Fátima contribuiu com a obra e diz que essa publicação é um estímulo para todos os autores participantes. “Todo poeta gosta de ser lido.” Já a artista plástica e poetisa Lionizia Goyá diz que acredita muito na ação conjunta, porque a a confluência de pensamentos e a opinião poética divergente de cada autor em um único trabalho enriquece e enobrece o texto individual. “Acredito nesta parceria coletiva. E com a organização da Ivone Assis, o êxito é certeiro”, afirma.

Lionizia diz que a escolha da temática da obra é socialmente justo, mas que escrever sobre o tema, em um primeiro momento, a assustou. “Confesso que tive receio. Recuei. Respirei. Pensei. Ser poeta é por em palavras os sentimentos da alma, seja favorável ou contra. Ser escritor é ter o poder da denúncia com expressividade, mas penso eu, com o cuidado de não ofender outrem”, confessa. A escritora complementa: “Tive a oportunidade de dar o meu recado de forma agradável, poeticamente. O tema foi um presente maravilhoso, um momento de reflexão necessário”. (http://notaseprosas.com.br/inconsciencia/)

Outra participante do “Camarinhas de Poesia” é a poetisa Rossana Abbiati Spacek, que frequenta o Sarau Gotas Poéticas desde o início do projeto e que já levou muitas pessoas para participarem dos encontros. Ela diz que participar de um momento como este é um prêmio e define em uma palavra sua colaboração: “encantamento”.

Já o escritor Ademar Inácio da Silva está na expectativa para o lançamento do livro, que segundo ele, irá oferecer ao público 56 visões particularizadas sobre a questão da “sustentabilidade”. “Sinto-me lisonjeado em ter sido convidado, já o tendo feito quando do primeiro ´Camarinhas´, cuja temática era o amor. Neste volume, participo com o poema ´Em busca do mar aberto´, referência implícita e explícita à poluição ambiental, principalmente de nossas águas costeiras”, revela.

FOTO: João Davi

Ivone de Assis está orgulhosa em entregar mais um presente para Uberlândia literário para Uberlândia e ainda prestigiar o trabalho de 56 escritores

Ivone de Assis está orgulhosa em entregar mais um presente literário para Uberlândia e ainda prestigiar 56 escritores

Read More